29 janeiro 2008

Escola alternativa para afro-descendentes

A Toronto District School Board (TDSB) discute esta noite a criação de escolas para afro-descendentes. Segundo o relatório Improving Success for Black Studants 40% dos estudantes negros não conseguem terminar seus estudos (leia a reportagem aqui).

A idéia é ter até Setembro de 2009 uma escola "alternativa" na qual sejam ensinadas a cultura e a história dos afro-descendentes, por exemplo. A primeira parte deste projeto começará em setembro deste ano com a implementação de um projeto piloto de 3 anos.

A TDSB adverte que não se trata de uma "escola para negros" mas sim para pessoas que usem fontes de conhecimento e experiências de povos africanos como base para o ambiente de ensino e aprendizagem.

Essa polêmica me lembra uma outra sobre a criação de cotas para negros nas universidades brasileiras, mas isso já é outra história.

E você, é contra ou a favor da idéia da TDSB de criar uma escola "alternativa" para a cultura negra?

6 comentários:

Matheus disse...

Sou a favor, contanto que não seja excludente a outras etnias a ingressarem na escola. A intenção é interessante, mas a aplicação não pode ser como as cotas aqui no brasil.
=]
até

Gean Oliveira disse...

Eu sou contra. O declinio do numero de alunos nas escolas, como voce citou, 40%, eh coisa que vem de berco, ou a falta dele.

Sei que eh na escola que aprendemos muita coisa em nossas vidas, porem educacao vem tambem dos pais - principalmente.

Beijo

Mirella disse...

Contra... lógico.
O Canada esta começando com a mesma política americana... eu não gosto disso...
Daqui a pouco começa: AfroCanadian, BrazilianCanadian, MexiCanadian e por aí vai...
[]s

Roberto disse...

Sou contra, vai aumentar ainda mais a segregação racial. O certo seria mostrar que o ser humano é o mesmo, não importa a cor da pele, e trabalhar a integração. Isso me lembra a política do Aparthaid.

guerson disse...

sou contra. acho que o currículo de TODAS as escolas deveria ser menos branco-eurocêntrico... e não só de escolas "especiais"...

E acho que deveriam estudar mais a fundo o pq de 40% dos alunos negros abandonarem seus estudos... pode ser que não tenha nada a ver com o que é ensinado na escola...

leticia disse...

contra. me parece mais segregação cultural do que qualquer outra coisa.
já as cotas na universidade aqui no Brasil sou a favor. estudei com pessoas beneficiadas por essa lei e sei que é uma coisa boa.