28 outubro 2008

Como vestir-se para o inverno?


Esta é uma pergunta que todos fazemos ao nos depararmos com o frio, e as respostas variam bastante porque tudo vai depender de quanto frio você sente.

Luvas, gorrinhos e cachecóis são acessórios indispensáveis para os dias de muito frio, e vento principalmente. No meu caso, nem sempre apenas o gorrinho é suficiente, então eu comprei umas “orelhinhas de Mickey” (protetores de orelha) que ajudam bastante. Você pode encontrar protetores bem baratinhos nas lojas de 1 Dólar, caso não queira gastar muito dinheiro.

Casacos! Este é o item mais caro do vestuário de inverno e eu acho que vale a pena investir em algo de boa qualidade para não ficar gastando dinheiro à toa. Mas qual comprar?
Existe uma infinidade de modelos e eu acho que você tem que ter pelo menos 2: um social para entrevistas de trabalho, por exemplo, e um mais comum para todas as ocasiões.
Além de quentinhos, dê preferência para os impermeáveis por causa da neve que vai derreter no seu casaco ao entrar em um ambiente aquecido.

Você vai encontrar muitos recheados com “down fill”, que nada mais é do que penas de ganso. Esses são os mais caros, mais leves e mais gostosos, mas nem sempre os mais quentinhos.
Conversando com um especialista, ele me disse que hoje existem casacos sintéticos que são até mais quentes que os de down, e isso eu pude constatar com um casaco que tenho.

Tenha um suéter bem quente para os dias mais frios do ano, que não costumam ser muitos, quando a temperatura chega a -25C. Pode ser que seu casaco não segure todo esse frio se você tiver que andar na rua.
Por baixo, vista apenas uma camiseta de malha porque dentro das empresas, lojas e transporte público existe aquecimento e você não vai querer ficar derretendo dentro do seu casaco.

Long John: o famoso “ceroulão”, um mal necessário. Eu detesto usar mas para sair à rua não tem outro jeito. Também existem de todos os tipos.
Eu tenho um mais fininho para usar no início e no final do inverno, e um mais quente para usar quase que o inverno todo.
Alguns costumam trazer na etiqueta o tipo de temperatura para a qual são adequados. Não gosto de comprar long johns grossos porque eles acabam fazendo a calça ficar apertada

Botas: prefira as impermeáveis porque depois de algum tempo atolando o pé na neve você vai notar a diferença. Dê preferência aquelas com o solado todo desenhado porque isso torna o caminhar no gelo menos escorregadio.
As de couro são lindas, mas o sal jogado nas ruas para derreter a neve acabam com elas, então a saída são os materiais sintéticos mesmo.

Lenço de papel: sempre carrego no bolso porque não sei o que acontece com meu nariz no inverno, é só começar a andar no frio que uma coriza chata começa a escorrer e o vento arranca lágrimas. Ao chegar em local aquecido acaba.

No mais, muita pipoca, filme na TV ou no cinema, fondue e uma boa companhia para jogar conversa fora.


7 comentários:

tubra disse...

O vento frio tambem me deu lagrimas... uma coisa bem chata. Alias, agora de manha, minhas maos ficaram dormentes com o frio.

So faltou dar a dica de luvas, pois eu encontrei de varios precos na Sears. =]

Ja as botas, sera que as da Canadian Tire sao boas?

abraco

K disse...

E no rosto? eu fico com muito frio no queixo e na boca. Às vezes, em viagens, eu uso aquelas toucas ninja, mas aquilo é horrível...

Beijo,

K.

Mirella disse...

Muito legal esse post... as botas também são legais comprar se comprar insulated... assim fica quentinho dentro.
bjks

;) Conexao Toronto disse...

Post legal..
Pra completar, o nariz escorrendo nada mais eh que a condensacao do ar quente do pulmao no nariz gelado..

Sobre seu comentario, sera que a chavinha que a esteira pede nao eh aquela vermelha que fica no painel pra vc colocar na roupa em caso vc caia??

Abs!!

;)

simone disse...

Oi, Jeanne!
Me lembro quando cheguei em Xangai, fevereiro de 2005, pleno inverno! Como passei frio !!! Meus agasalhos de São Paulo não eram nem um pouco apropriados pra geladeira daqui ... Bem, nem preciso dizer que meu primeiro passeio foi pra comprar um casaco! ... hahaha ...
E os seus lábios costumam rachar no inverno? No Brasil eu nunca tive problemas nesse sentido, mas aqui é só dar uma esfriadinha (agora, por exemplo, 17 graus) e meus lábios ficam horríveis, preciso inclusive DORMIR com hidratante labial!
Beijos,
Si

Paulo Mello disse...

Curioso. Tive um problema na neve que nunca vi ninguém reclamar: Mesmo com luvas, meus dedos racham na lateral das unhas e isto dói muito além de ficar levando choque em tudo que é de metal.
Muito legal seu post.

Jeanne disse...

Paulo,

Acredito que esse problema que vc está relatando seja falta de hidratação. Já tentou passar bastante hifratante nas mãos várias vezes ao dia?
Quantos aos choques, é muito chato mesmo. Eu levo choque até brincando com meus cachorros.
Tem um spray anti-estáica que é vendido na Shoppers, mas não achei que funcionou.