22 fevereiro 2007

Diferenças Culturais

Este tópico se chamava "O que o Canadá tem de ruim", mas como os depoimentos colhidos falam mais das diferenças culturais resolvi trocar o título do tópico.

Como a grama do vizinho é sempre mais verde, cá estou eu novamente procurando coisas "ruins" sobre o Canadá, já que tudo nos parece ser sempre tão bom por lá.

De maneira alguma estou querendo denegrir a imagem daquele país ou desencorajar os futuros imigrantes. Minha idéia é apenas conhecer o outro lado da moeda.

Felizmente, tudo que vi até agora foram apenas pequenas queixas, nada comparado à violência, desemprego, descaso das autoridades e diferença social que assola nosso país.

Os depoimentos foram retirados da comunidade Maura, me ajuda! do Orkut, de onde tenho conseguido informações valiosíssimas sobre o Canadá e foram transcritos exatamente como foram postados:

  • Algo q não consigo me acostumar é o hábito de certas etnias comerem de boca aberta, mastigam e falam com a comida aparecendo o tempo todo.Nunca fui fresquinha mas isso tem me incomodado tanto!
  • Verdade, a maneira feia, para nos até uma falta de educação, como os canadenses comem e bebem, impressionam os mais cuidadosos à mesa. Eles não cortam a pizza, a carne, eles perfuram as partes quase com as duas mãos, com os dedos fechados no cabo da faca, um horror. E beber diretamente da garrafa??????? E o hábito de tomar leite , durante as refeições???????? E o tradicional hábito da *dona do lar* servir a todos a refeição, sem que os pratos esteja à disposição na mesa para a quantia desejada.

  • Convidar amigos ou desconhecidos: vinda de uma enorme familia, de italianos, e ter a casa sempre cheia, sem ter o cuidado de avisar que traria *extras* para almoçar em casa, após as aulas, tal hábito foi adquirido por minhas filhas que estranharam e muito não poderem convidarem amigas sequer para trabalhos escolares, a serem feitos sempre na escola, jamais em casa. Até filhos, já com residencia própria, tem sempre que avisarem, com antecedencia, quando visitarão ou quando pretendem jantarem com a familia origianl, um horror, apesar de muito prático. A refeição programada para 4 pessoas sempre será para 4 e jamais para 5 ou 6, quanto mais para 10, como é em minha casa.
  • A pontualidade *britânica*, especialmente em BC, em Vancouver é tão séria, tão previsível, que chega até a irritar pelo rotineiro pela previsibilidade sempre. A improvisão é algo inexistente e eles jamais mudam o programado nem que tenha sido um picnic, outside, e amanhece chovendo : lá vão eles, com suas cestinhas, todos cobertos, mas sentam na grama e fazem seu picnic.
  • Agora o que achei muito nojento aqui foi a maneira de lavar a louca ... a primeira vez que fui ajudar a minha sogra na cozinha ... quase vomitei .. mas segurei firmeeeeeee ... hehehehe. Todos tem maquina de lavar louca ... ma as loucas que naum colocam na maquina sao lavadas numa pia cheia de agua que se coloca umas gotas de detergentes e eh lavado com aqueles paninhos que eu acho um OHHHH ... e o duro ... a mesma agua que se lava se enxagua ... eu acho um nojo. Quando eles vieram em casa a primeira apos eu estar morando com o meu marido .... vixi ... quase morreram de ver eu lavar as loucas ... ficaram de olhos arregalados de ver a torneira aberta e eu com a bucha lavando cada louça.
  • Acho muito esquisito como na maioria das familias canadenses os filhos saem de casa cedo! filhos de 20 e poucos anos morando com os pais nao eh normal e nem "aceitavel". e nao sao soh os filhos que pensam assim, os pais tambem! muitos adultos com quem eu fiz cursos riam contando as taticas pra convencer filhos a sairem de casa, diziam pros filhos que o 1o a sair de casa levava os moveis, ou ganhava o carro, ou uma tv de plasma pra casa nova... quando eu tentei explicar que no brasil nao era assim, que morar com os pais era super normal e q a maioria dos filhos soh saiam de casa se realmente tivessem um motivo, eles acharam absurdo!!!
  • Detesto o fato das casas nao terem um tanque p lavar roupa. Tem roupas aqui q nao se pode lavar na maquina por serem mais delicadas...lavo na pia do banheiro, mas nao gosto.
  • Canadenses sao super cordiais, educados, mas geralmente mantem uma certa distancia. na minha opiniao, eh bem mais dificil fazer uma amizade realmente sincera, de poder contar pras horas boas e ruins. e falta "paixao", falta "carinho", nao eh mesmo? claro q existem excessoes, e o canada eh um pais lindo e seguro, onde "o sistema funciona", mas em geral as pessoas sao mais frias e egoistas sim.
  • Aqui no Quebec lavamos a louça com bastante água, esponja e muito detergente! Melhor gastar um pouco mais do que ficar com o prato nojento com restos de comida.
    E os quebequás não são nada frios, calculistas, afastados, etc., isso é coisa das províncias anglofonas (pelo que vocês relataram).
  • Em minha rsidencia troco roupa de cama e de banho a cada 5 dias, sempre, bem diferente aos padrões de higiene canadenses que fazem tal troca a cada 15 dias ou até mensalmente.
    E a doce mania de dar banho em seus pets, ou no mar, quando existe um na cidade, como em Vancouver, principalmente em West Vancouver, com praia específica para tal fim, ou pior ainda: no banheiro de nosso uso pessoal. Isso me deixava louuuuuuuuuuuuuuuca de raiva e minha filha que o diga, por ter tido ,em seu homestay , dois dogs, um gato, um pássaro louco que atacava a todos e uns esquilos maratonistas em seu sotão. Os caes cheiram muito mal e as crianças tambem ....
  • Os quebecois sao muito diferentes dos outros canadenses. Sao bem mais abertos, carinhosos e calorosos que os anglofonos. Para mim, brasileiro e goiano, eh extremamente mais agradavel vc conversar, sair e trabalhar ao lado de um quebecois do que de um albertian, por exemplo.
  • Mas ninguém ainda falou da diferença cultural que, para mim, é a mais chocante e com a qual até hoje não me acostumei: receber, de presente de aniversário, um cheque. Aiiiii!!!!!!! Isso prá mim é o fim do mundo, mas prá eles, é a coisa mais normal!
  • Cheque e chiquerrimo, e um sinal que gostam de vc e te deixam livre para comprar o que quiser...tente levar pra este lado...Eu ja recebi cartao com dinheiro dentro e adorei...
Por estes breves depoimenos vemos que o lado "ruim" do Canadá não é tao ruim asim. É tudo uma questão de se adaptar às diferenças culturais.
Se quiser ler todos os depoimentos, acesse a comunidade da Maura no Orkut.

E você? Tem algo no Canadá de que você nao goste e nao foi citado aqui? Diga aí!


5 comentários:

Paula Regina disse...

Desculpa Jeanne mas estes fatos estão muito generalizados e como vc mesma disse não há nada de ruim nisso é uma opinião pessoal e muito geral de alguém. O que é sempre bom lembrar que na maior parte das vezes que ela cita "canadenses" ela está falando de imigrantes que trouxeram habitos de cultras muito distintas umas das outras como china, filipinas, mexico, brasil, e por aí vai.... o canadense mesmo , alguns que já conheço por aqui, não tem nada disso não. Ah, para terminar, desculpa mesmo mas a pontualidade deles é o que eu mais amo neste país! para vc ver como isso tudo é muito o questão pessoal.
bjs

Gean Oliveira disse...

Oi Jeanne, eu tambem concordo com a Paula. Isso eh da cultura daqui, e em sua maioria trazidos de pessoas de outras culturas, como tambem a nossa. Para citar 2 exemplos, os canadenses nao gostam dos brasileiros que tentam tirar vantagem de tudo, nao gostam da falta de pontualidade, de comer por exemplo uma abacate com leite, pq aqui se come de outra forma e por ai vai :)

Como sempre, cada pais com qualidades e defeitos, onde nao existe pais perfeito.

Beijo

Jeanne disse...

Que bom que esse tópico criou um pouco de "polêmica".
Obrigada e continuem deixando seus comentários.
Só gostaria de salientar que o que está escrito não reflete minha opinião, mesmo porque NUNCA estive no Canadá, portanto, não tenho nem como avaliar as declarações. Achei interessantes as diferenças culturais encontradas e como os brasileiros estão lidando com elas.
Depois de um tempinho em Toronto poderei fazer um TOP 10 do bom X ruim da cidade e de seus habitantes.

Camarada disse...

Comer de boca aberta .. que infortúnio !

Alexandra disse...

Bom, como meu irmão sempre comeu de boca aberta (por ter desvio de septo e não poder respirar pelo nariz), acho que nem reparo muito nisso mais ;) Se bem que isso não é habito canandense, e sim de imigrantes que trouxeram esse habito de seus paises.

Mas a Paula e o Gean têm muita razão. Por casualidade a grande maioria dos meus amigos são canadenses e os mais chegados eu sei que posso contar com eles para o que der e vier, e posso sim passar na casa deles quando estou no bairro... Essa "distância" é uma má interpretação do respeito natural que eles têm pelo espaço de cada um. Se vc não se abrir, eles mantêm a distância mas se vc for mais aberta eles logo se discontraem e serão tão abertos e calorosos como vc. O meu marido é canandense e ele é MUITO mais aberto do que eu. Ele conversa com TODO mundo na rua, no metro, no onibus, onde for. Em 10 mins ele sabe a vida da pessoa toda. Eu já sou muito mais reservada quando não conheço bem a pessoa. Essas coisas variam muito de pessoa a pessoa.

Isso dos filhos sairem de casa cedo, eu não vejo nada demais. No Canada se valoriza muito a independência da pessoa e os pais acreditam que eles não estão ajudando os filhos ou ensinando-os a serem independentes se os deixarem ficar em casa quando já adultos. Apesar de que acontece sim. Tenho uma amiga que saiu de casa com 37 anos e outra com 32. Mas as novas gerações estão levando mais tempo. A filha do meu marido acabou de sair de casa para tentar um trabalho em Calgary e já tem 24 anos. Muitos de seus amigos continuam na casa dos pais.

Também adoro a pontualidade canadense. Sempre fui pontual e isso sempre me irritou profundamente no Brasil quando marcava com alguem e a pessoa chegava com meia hora, uma hora de atraso sem nem se dignar a dar uma desculpa. Acho uma falta de respeito sem tamanho.

Se que nada disso foi opinião sua, mas fica aqui minhas observações ;)

PS: também não gosto de gente que fica tentando tirar vantagem de tudo...